Renova recebe oferta de financiamento para conclusão de eólica na Bahia

A Renova Energia informou ao mercado que recebeu oferta vinculante de financiamento da Farallon Latin America Investimentos para conclusão das obras e equacionamento financeiro do complexo eólico Alto Sertão III, em construção na Bahia. “A administração da companhia está avaliando a proposta recebida”, diz o comunicado divulgado na semana passada.

No início de dezembro, a AES Tietê fez proposta para compra de Alto Sertão, bem como de cerca de 1,1 GW em projetos eólicos em desenvolvimento. A Renova, que na ocasião disse que ainda não tinha apreciado a proposta, analisa outras possibilidades para equacionar a sua estrutura de capital.

Em meados de agosto, executivos da Light informaram que haviam três empresas interessadas no ativo. A Agência CanalEnergia apurou, junto a pessoas próximas da negociação, que duas das interessadas são a Aliança Geração de Energia (joint venture entre a mineradora Vale e a Cemig) e a AES Tietê. A Light Energia faz parte do bloco de controle da Renova, com 17,17% do capital social, junto com Cemig GT (36.23%) e RR Comerc (13,27%).

As obras de Alto Sertão III foram paralisadas no final de 2016 por falta de recursos. A Renova já investiu cerca de R$ 400 milhões no projeto, quando concluído terá 400 MW de capacidade instalada. No final de julho, a companha conseguiu postergar o pagamento do empréstimo ponte de R$ 937,2 milhões com o BNDES. O endividamento total da Renova soma R$ 1,87 bilhão.

Estima-se que Alto Sertão III precise de R$ 80 milhões para entregar 159 MW que estão atrelados aos contratos do Leilão de Energia de Reserva de 2013. Em maio, a Renova encerrou as negociações com a Brookfield envolvendo a venda de Alto Sertão III, e, aproximadamente 1,1 GW em projetos eólicos em desenvolvimento. Também em maio, a companhia rejeitou a oferta da Cemig para aquisição de 100% da participação da Renova na Brasil PCH.

Fonte: CE