Sul-africanos convidados a investir no sector mineiro

O ministro dos Recursos Minerais e Petróleos, Diamantino Azevedo, apelou aos empresários sul-africanos a investirem em Angola, onde há um grande potencial mineral a explorar.

O governante está desde domingo na Cidade do Cabo (África do Sul), onde participa na conferência anual de mineração de África. À frente de uma delegação que integra especialistas do sector, Diamantino Azevedo ao intervir na sessão de abertura sob o tema “Oportunidades de mineração em Angola” disse que Angola está aberta a novas propostas do sector privado.“Não se sintam inibidos a fazer negócios em Angola”, enfatizou, dando a conhecer aos presentes que existem dez projectos de exploração de ouro abertos a parcerias.

“Estamos a produzir  diamantes, mármore e granito no momento, mas esperamos ter duas ou três minas de ouro em produção no próximo ano”, sublinhou.
O ministro manteve encontros com líderes de empresas mineiras de porte internacional e com entidades financeiras sul-africanas e de outras partes do mundo.
Aos homens de negócios, o ministro Diamantino Azevedo assegurou que Angola quer ampliar o seu leque de matérias-primas fora do sector petrolífero e dós diamantes, contando para isso com o investimento privado estrangeiro.

No quadro da Organização de Países Exportadores de Petróleo (OPEP), Angola não espera este ano por qualquer corte de produção, avaliada em 1,6 milhões diários de barris.

Fonte: Jornal de Angola