Estudo revela setor com profissionais mais felizes; veja ranking

O 1º lugar ficou com o segmento de energiamineração e saneamento, com índice de satisfação de 3,47 em uma escala que vai de 1 (que representa “muito insatisfeitos”) a 5 (“que corresponde a “muito satisfeitos”).

A nota é baixa em comparação à campeã do mesmo ranking no mesmo passado. Em 2016, a área de atuação apontada como a mais feliz do país, transportes e logística, foi classificada com o índice de 3,61 na mesma escala.

As empresas com maiores notas de satisfação nos setores de “energia elétrica”, “mineração” e “água e saneamento” são, respectivamente, Companhia Energética do Maranhão (4,6), Mineração Caraíba (4,5) e Itaipu Binacional (4,5). As companhias citadas têm, nesta ordem, 24, 11 e 22 avaliações no site.

Os 10 setores mais felizes

As diferenças entre as notas dos primeiros nomes da lista não são grandes: a 2ª colocada (tecnologia e telecomunicações) e a 3ª (serviços financeiros) só têm 0,05 e 0,08 a menos do que a 1ª do ranking.

“Os dados do levantamento mostram que existem oportunidades com bons níveis de qualidade de vida na maior parte dos setores”, diz em nota Luciana Caletti, CEO da Love Mondays.

A pesquisa coletou mais de 143,5 mil avaliações compartilhadas por funcionários e ex-funcionários de milhares de empresas, de forma anônima, no site da Love Mondays. A amostra se refere ao período entre agosto de 2016 e agosto de 2017.

Confira abaixo o ranking com os 10 setores mais felizes:

Fonte: Exame

Posição no ranking Setor Índice de satisfação (1-5)
Energia, mineração e saneamento 3,47
Tecnologia e telecomunicações 3,42
Serviços financeiros 3,39
Governo, ONGs e associações 3,34
Agronegócios 3,31
Educação 3,28
Fabricação industrial 3,26
Mídia e meios de comunicação 3,22
Mercado imobiliário e construção 3,20
10º Serviços para empresas 3,14