Votorantim capta US$ 300 milhões para produzir mais no Peru

A Votorantim captou US$ 300 milhões para ampliar sua capacidade de produção no Peru. A operação, organizada pelo banco Tokyo Mitsubishi, contou ainda com a participação das filiais japonesas (em forma de club deal) do Société Générale, BNP Paribas e Calyon. O prazo de vencimento para pagamento é de 12 anos.

Os recursos serão destinados à expansão da refinaria Cajamarquilla de produção de zinco primário. A capacidade chegará a 320 mil t/ano, duplicando a capacidade atual. A Votorantim vai produzir ainda 76 t/ano de índio metálico.