China aumentará devolução de imposto para impulsionar indústrias

A China vai aumentar a devolução de imposto para alguns produtos em certos setores a partir de 1º de abril, como parte dos planos para revitalizar indústrias específicas, de acordo com comunicado no site do governo central. Não há detalhes sobre o tamanho da elevação. As devoluções de impostos serão ampliadas para alguns produtos nos setores de têxteis e vestuário, aço, metais não-ferrosos, petroquímico, tecnologia de informação e indústria leve, de acordo com decisão tomada em encontro regular do Conselho de Estado, comandado pelo primeiro-ministro, Wen Jiabao. A China vêm aumentando a devolução de impostos nos últimos meses para ajudar os exportadores a sobreviver à desaceleração global.