Metais operam em recuperação técnica; cobre sobe 1,87% na Comex

Barra de Ouro

Barra de Ouro

Os metais operam sustentados, recuperando-se de três dias seguidos de baixa, em movimento de correção técnica. Segundo um trader em Londres, realização de lucros em posições vendidas do cobre na Ásia e compras de contratos futuros, para o início de 2009, puxaram os preços do cobre. Operadores acrescentaram que a alta dos metais trata-se apenas de uma modesta correção e que os ganhos não são suficientes para alterar a tendência para o metal no médio prazo. Com a desaceleração da expansão econômica e os mercados acionários instáveis, os investidores devem sacar recursos das commodities e mover-se para posições à vista, já que, neste momento, há poucos lugares seguros. O ouro também sobe, acompanhando a tendência dos demais metais, mas participantes consideram os ganhos frágeis e dizem que o metal continua susceptível à queda do petróleo e ao fortalecimento do dólar. Às 9h15 (de Brasília), o contrato de setembro do cobre subia 1,87% para US$ 3,2875 por libra peso e o ouro para dezembro avançava 1,23% para US$ 824,60 a onça-troy. O ouro spot operava em alta de 0,63% para US$ 818,25 a onça-troy.

Fonte: Agência do Estado